top of page

Ilhabela: dicas de praias, pousadas, balsa e tudo mais para a sua viagem!

Atualizado: 24 de nov. de 2020



Ilhabela está entre os melhores destinos do Litoral Norte de São Paulo para quem busca lindas praias. O conjunto de ilhas oferece faixas de areia maravilhosas e tudo é emoldurado por grandes montanhas e pelo intenso verde que cerca o lugar. Ilhabela desperta paixões entre os visitantes, que encontram na região uma ótima oportunidade de aliar conforto, preço acessível, bons serviços e excelentes praias. É uma boa pedida para passar um feriado prolongado ou alguns dias de férias e descanso de frente para o mar. E basta a previsão do tempo em Ilhabela ajudar, que todos correm para pegar a balsa até lá!


Fora das praias, Ilhabela também agrada em cheio! Você encontrará pousadas charmosas, bons restaurantes, noite animada e farta agenda cultural, com eventos que atraem milhares de turistas (por hora, tudo sem data prevista para acontecer devido à pandemia). Depois da travessia da balsa, será fácil encontrar um cantinho à beira-mar para relaxar em Ilhabela. No pacote, entretanto, não podemos deixar de dizer que vem uma pequena pegadinha: os borrachudos. Pois é! Os moradores de Ilhabela costumam dizer que seria perfeição demais se não houvesse os incômodos mosquitinhos. Passado o repelente… É hora de aproveitar!


Veja em nosso Canal como foi nosso viagem a Ilhabela!




Praia do Julião


Como chegar a Ilhabela?

Ilhabela é, oficialmente, um município-arquipélago marinho e faz parte da microrregião de São Sebastião, no Litoral Norte do estado de São Paulo. A ilha principal — com mais de 340 km² de área — tem uma pequena parte com infraestrutura, onde estão as praias urbanas do Sul, Centro e Norte de Ilhabela. O restante, que corresponde a cerca de 80% do arquipélago, faz parte do Parque Estadual de Ilhabela, região protegida e onde estão a Praia de Castelhanos, Praia do Bonete, Cachoeira do Gato e outras atrações.

Receba as melhores promoções de passagens e pacotes

Ilhabela está distante 90 km de Ubatuba, 200 km da cidade de São Paulo, 170 km de Paraty e 450 km da cidade do Rio de Janeiro. O acesso a Ilhabela é feito por balsa, a partir da cidade de São Sebastião. Esse é o meio de transporte público oficial entre o continente e a ilha, já que não há pontes de ligação.

Outro detalhe importante é que não há aeroportos próximos a Ilhabela. Os melhores aeroportos para quem mora fora do estado de São Paulo são: o Aeroporto de São José dos Campos (SJK), a 113 km; Aeroporto de Guarulhos (GRU), distante 187 km; o Aeroporto de Congonhas (CGH); e o Aeroporto de Viracopos (VCP), localizado em Campinas e distante 285 km. A partir dos quatro aeroportos, será necessário se deslocar até a cidade de São Sebastião, de onde parte a balsa rumo a Ilhabela.


Centro histórico de Ilhabela


Balsa de São Sebastião para Ilhabela

A balsa que faz a travessia do continente para a Ilhabela parte da cidade de São Sebastião e faz o transporte tanto de passageiros quanto de veículos. O transporte está disponível 24h, todos os dias da semana. Para fazer a travessia de balsa, basta passar pela cancela de cobrança (como se fosse um pedágio) e seguir a fila para a balsa. Em dias úteis, não é comum ter fila. Nos feriados mais disputados, a espera pode ser bem longa para fazer a travessia. Nesses casos, vale investir um pouco mais e fazer a compra do bilhete com hora marcada, o que permite ter a certeza do horário da travessia. A comodidade, no entanto, tem um preço: a travessia com hora marcada custa quase quatro vezes mais que a travessia normal.

Balsa para Ilhabela

Horário de funcionamento e valores da balsa para Ilhabela


Balsa de São Sebastião para Ilhabela

  • Todos os dias, com intervalo de meia hora entre 5h30 e 23h30 e intervalo de uma hora entre meia-noite e 5h;

  • Pedestres têm acesso gratuito à balsa;

  • Travessia de carros comuns tem custo de R$ 19 em dias úteis e R$ 28,50 aos sábados, domingos e feriados;

  • Travessia com hora marcada tem custo de R$ 65,30 em dias úteis e R$ 98 aos sábados, domingos e feriados.

Balsa de Ilhabela para São Sebastião

  • Todos os dias, com intervalo de meia hora entre 6h e 23h30 e intervalo de uma hora entre meia-noite e 5h30;

  • Pedestres e carros comuns têm acesso gratuito à balsa;

  • Travessia com hora marcada tem custo de R$ 46,40 em dias úteis e R$ 69,50 aos sábados, domingos e feriados.

Veja aqui os valores da travessia de balsa para outros tipos de veículos e como está o funcionamento da balsa de São Sebastião para Ilhabela.


Praia do Pinto


Viajando de carro para Ilhabela

A principal via de acesso ao Litoral Norte de São Paulo é a Rodovia dos Tamoios, que liga São José dos Campos a Caraguatatuba. A partir da capital São Paulo ou Guarulhos, você chegará a ela pelas rodovias Presidente Dutra ou Ayrton Senna, esta com paisagem mais agradável e, no geral, melhores condições de tráfego. Todas as estradas têm pedágios. Em caso de congestionamento, uma alternativa é acessar a Rodovia Mogi-Bertioga (SP-098) e seguir pela Rio-Santos até São Sebastião. Vale dizer as estradas são repletas de radares de velocidade. Fique ligado para não ser multado!


Praia da Feiticeira

Ônibus até Ilhabela

Não há ônibus que faça a travessia da balsa e leve o passageiro até Ilhabela. A boa notícia é que os veículos deixam os passageiros próximos ao terminal da balsa, de onde os pedestres podem fazer a travessia gratuitamente. Há ônibus disponíveis para São Sebastião partindo do Rio de Janeiro e São Paulo. A partir do Rio de Janeiro, há ônibus a partir da Rodoviária Novo Rio (valores a partir de R$ 99) e também da cidade de Paraty (a partir de R$ 32), com rotas operadas pela Útil. De São Paulo, os ônibus partem do Terminal Tietê e são operados pelas empresas Litorânea e Expresso Luxo, com custo a partir de R$ 26.

Transfer particular para Ilhabela

Uma opção mais cômoda para quem não está de carro é contratar um transfer particular. Há partida de São Paulo e Rio de Janeiro e o custo varia de acordo com a temporada, o ponto de origem, o número de passageiros e o padrão do carro, por isso é importante orçar diferentes serviços. Com transporte operando em capacidade máxima, a partir do Aeroporto de Guarulhos, o preço médio é de R$ 180 a R$ 250 por passageiro em carro pequeno e de R$ 115 a R$ 140 em van. Veja algumas empresas que realizam transfer para Ilhabela:



O que fazer em Ilhabela?

Ilhabela é um destino maravilhoso para os amantes de praia e natureza, mas a ilha vai muito além disso! Em Ilhabela vale curtir cada minutos para relaxar na paisagem exuberante que preenche de verde o lugar. Fora das praias e trilhas em meio à Mata Atlântica (que levam também a cachoeiras), aproveite para praticar esportes, fazer passeios de lancha, se deliciar em um happy hour com vista para o pôr do sol ou um jantar especial na Vila e, claro, curta cada segundo da animada agenda cultural da cidade. Ilhabela não deixa o turista ficar parado e, mesmo na baixa temporada, será fácil encontrar agito por lá.


Praias de Ilhabela

São mais de trinta opções de praias em Ilhabela e elas são bem diferentes umas das outras! Grande parte das praias é ligada pela mesma estrada, o que facilita muito na hora de visitar diversas faixas de areia. Aproveite e inclua mais de uma no roteiro do seu dia de passeio. Vale primeiro percorrer as praias do Sul, depois do Centro e, na sequência, as praias do Norte. Todas com acesso pela mesma pista. Depois de percorrer a parte mais urbana de Ilhabela, invista nas praias do Leste, que são mais selvagens e acessíveis de barco ou por longas trilhas. Ah! Independente de qual praia você escolher, sempre leve o repelente (só por precaução).




Praia do Jabaquara

Praias do Sul de Ilhabela

As praias do Sul de Ilhabela são bem movimentadas e estão entre as mais visitadas pelos turistas. Apenas 7 km separam a primeira e a última praia na região. Se você faz a linha que curte praia badalada, a melhor pedida é a Praia do Curral. Para curtir o mar, aliado à boa infraestrutura e um lindo pôr do sol, a opção é a Praia do Julião. Agora, para quem não gosta de quiosques à beira-mar, o caminho é a Praia da Feiticeira.


Praia do Julião, Praia do Curral, Praia do Curral, Ilha das Cabras

Os turistas que querem de tudo em um mesmo lugar vão se identificar com a Praia Grande, que oferece quadras de esportes, orla, restaurantes, aluguel de equipamentos esportivos e ainda uma igrejinha. Para fugir de todo o agito, o melhor é ir à Praia do Veloso. Mas se o desejo for por um mergulho especial, siga para a Praia da Ilha das Cabras e aproveite para praticar snorkeling.



Praia da Feiticeira, Praia Grande, Praia do Veloso

Praias do Centro de Ilhabela

O Centro de Ilhabela é marcado pela boa infraestrutura da orla, que segue por todas as praias e proporciona um belo passeio para quem quer percorrer o trajeto de 4 km, seja a pé ou de bike. A Praia do Perequê é a primeira faixa de areia do Centro e também a mais animada. As praias de Itaquanduba e Itaguaçu são bem mais tranquilas e boas pedida para o final da tarde, quando o pôr do sol dá espetáculo.



Praia do Perequê, Itaquanduba e ItaguaçuItaquanduba e ItaguaçuPraia do Perequê

O passeio também vale na Praia do Engenho, que conta com um belo edifício colonial do engenho de açúcar do século XVII. Já a Praia do Saco da Capela tem orla charmosa e é um convite ao passeio sem pressa. Sente-se em um quiosque, aproveite a linda vista para os veleiros que colorem o mar e curta sem hora pra ir embora. Para fechar, termine o tour pela Praia da Vila, onde a graça está nos prédios coloniais que marcam o centro histórico de Ilhabela. Emende o dia de praia em um happy hour ou jantar em um dos bons restaurantes da ilha.



Praia do Saco da Capela, Praia do Saco da CapelaPraia da VilaPraia do Engenho

Praias do Norte de Ilhabela

O Norte de Ilhabela é bem tranquilo e mais frequentado pelos turistas que se hospedam na área. A região, conta com asfalto em quase todas as praias, sendo que as duas últimas e mais preservadas — Praia da Pacuíba e Praia do Jabaquara — são acessíveis por estrada de terra. Seguindo do Centro rumo ao Norte, a primeira faixa de areia é a Praia de Santa Tereza, que rende lindos retratos entre as coloridas canoas caiçaras. Na sequência, a Praia do Barreiros é bem pouco movimentada, enquanto a Praia do Viana e a Praia da Siriúba oferecem deliciosos quiosques em praias com mar calmo e clima de tranquilidade.


Praia de Santa Tereza, Praia da SiríubaPraia da PacuíbaPraia da Armação

Um pouco adiante, a Praia da Pedra do Sino atrai os turistas pela boa oferta de serviços. Já a Praia da Ponta da Azeda e a Praia do Pinto chamam atenção pelo lindo mar transparente e repleto de vida marinha. A qualidade do mar se repete na Praia da Armação, que conta com restaurantes, quiosques e uma linda igrejinha para completar a paisagem. Aqui, termina o asfalto e começa a estrada de terra, que leva à escondida Praia da Pacuíba e a uma das estrelas de Ilhabela: a Praia do Jabaquara, onde o mar é espetacular e o mirante no alto da estrada causa comoção.


Praia do Jabaquara, Praia da Pedra do SinoPraia do PintoPraia da Ponta Azeda


Praias do Leste de Ilhabela

Com acesso mais restrito e ambiente mais selvagem, as praias do Leste de Ilhabela são consideradas as mais preservadas da ilha. A maioria é acessível apenas pelo mar, o que torna a visita a essas praias um grande passeio. As mais conhecidas são a Praia do Bonete (com acesso pelo mar) e a Praia de Castelhanos (com acesso por trilha, carro 4×4 e barco). Com boas ondas e cercadas por montanhas repletas de verde, as duas estão entre as mais bonitas de Ilhabela.


Praia de Castelhanos, Praia de CastelhanosPraia de Castelhanos

Castelhanos é famosa pela orla em formato de coração, que pode ser vista do alto de um mirante. O passeio que leva à praia pelo mar faz paradas também na Praia da Fome e Praia do Saco do Eustáquio, sendo que há outras praias no percurso que podem ser vistas em trajetos de barco, como a Praia do Poço, Praia da Serraria, Praia da Granxuma e a Praia da Caveira. Já a Praia Mansa, Praia Vermelha e Praia da Figueira podem ser visitadas também por trilha a partir de Castelhanos. Vale dizer que Castelhanos também pode ser conhecida por via terrestre, com veículos 4×4.


Praia da Fome, Praia do Saco do EustáquioPraia do Saco do Eustáquio

A Praia do Bonete é um dos passeios mais difíceis de Ilhabela, já que depende de boa condição de mar para ser visitada. A praia é linda e oferece boas ondas para o surfe. A partir do Bonete, vale ir também à Praia de Enchovas (acessível também por trilha de 50 minutos a partir do Bonete) e a Praia de Indaiaúba (com acesso de barco).



Praia do Bonete


Passeios em Ilhabela

Muitas praias de Ilhabela podem ser facilmente conhecidas por conta própria, porém algumas das mais belas faixas de areia exigem trajetos de barco, carros com tração 4×4 ou longas trilhas para serem visitadas, com direito a belas cachoeiras pelo caminho. Além das praias, os passeios em Ilhabela podem levar a lindos mergulhos de snorkel ou cilindro para conhecer mais sobre a vida marinha da região. Aproveite o tempo em Ilhabela e invista em lindos passeios.

Há diversas operadoras de turismo que realizam tours. Algumas são especialistas em passeios marítimos que levam às praias da costa leste. Outras são destinadas aos aventureiros que preferem percorrer os caminhos em meio à mata fechada que levam a lindas quedas d’água. Os preços dos passeios são bem semelhantes entre as agências e o ideal é escolher a que te ofereça o melhor atendimento. Os guias farão toda a diferença ao longo do dia!

Passeio de flexiboat



Passeio para a Praia de Castelhanos de flexiboat ou 4×4

A Praia de Castelhanos é parada quase certa de quem gosta de praias mais selvagens. Localizada na costa leste e com mar aberto, Castelhanos agrada aos surfistas, que encontram por lá boas ondas para a prática do esporte. A praia oferece um lindo mirante na ponta direita, de onde é possível ver o formato de coração que é marca registrada da ilha. Uma comunidade caiçara vive na área, onde há oferta de quiosques para os turistas passarem o dia. Para visitar a Praia de Castelhanos há diversas opções de rotas e transportes, como flexiboat, carro 4×4 ou a combinação dos dois.


Praia de Castelhanos


O tour com flexiboat inclui uma parada na Praia da Fome e outra na Praia do Saco do Eustáquio, o torna inviável fazer a trilha até a Cachoeira do Gato (com acesso pela Praia de Castelhanos). Já o trajeto com 4×4, segue pela estrada de terra que corta o Parque Estadual de Ilhabela e faz paradas em algumas quedas d’água pequenas no caminho. O tempo da ida é mais rápido, se comparado ao do flexiboat. Com isso, a permanência em Castelhanos é maior e será possível fazer a trilha de quarenta minutos que leva à Cachoeira do Gato. Nossa sugestão é fazer a ida de flexiboat, para aproveitar outras praias, e a volta de 4×4, para conhecer o interior do Parque Estadual de Ilhabela. O passeio começa às 11h e termina às 17h30 e o custo varia entre R$ 100 e R$ 180.


Praia da Fome


Passeio para a Praia do Bonete de flexiboat

O passeio até a Praia do Bonete só é possível de flexiboat. Para chegar à praia, serão 50 minutos de trajeto no mar. Por ter um longo trecho em mar aberto, nem sempre o percurso será tranquilo ou o passeio estará disponível. Prepare-se para um pouco de emoção e leve seus bens pessoais bem guardados. O tour para a Praia do Bonete não inclui outras praias e o dia será dedicado todo a ela.

Quem quiser ir um pouco além poderá combinar com os barqueiros da região uma visita à Praia de Enchovas (acessível também por trilha de 50 minutos a partir do Bonete) e a Praia de Indaiaúba. Na Praia do Bonete, há restaurantes, pousada e também uma boa cachoeira para banho. Com disposição, será possível também subir ao mirante que garante lindo visual para a praia. O passeio começa às 11h e termina às 17h30 e o custo é de R$ 180 por pessoa.


Praia do BonetePraia do Bonete

Passeios para a Praia do Jabaquara de escuna ou 4×4

A Praia do Jabaquara é acessível por estrada, mas é claro que vale um lindo passeios pelo mar para chegar até lá! O trajeto, a partir da Praia do Perequê, tem parada também na Praia da Fome. A escuna parte às 12h e retorna às 17h. Ótima para quem não tem o dia todo disponível. Na Praia do Jabaquara, há restaurantes e boa infraestrutura para passar o dia. O custo, por pessoa, é de R$ 80. Apesar de serem oferecidos passeios em veículos 4×4, vale dizer que carros comuns chegam tranquilamente à Praia do Jabaquara e o acesso é permitido a todos os turistas.



Praia do Jabaquara, Praia do JabaquaraPraia do JabaquaraPraia do Jabaquara

Mergulho

Os pontos preferidos para a prática do mergulho em Ilhabela, tanto de snorkel quanto de cilindro, são a Ilha das Cabras e a Praia do Curral. Para o mergulho de cilindro, é oferecida a prática de batismo, na qual o turista é guiado o tempo inteiro pelo instrutor. O snorkeling pode ser praticado por conta própria em diversas praias, mas para curtir mesmo vale fazer o passeio até a Ilha das Cabras, onde está o Santuário Ecológico Marinho. O mergulho de cilindro tem custo de R$ 350 por pessoa e duração de cinquenta minutos.


Mergulho na Ilha das Cabras


Trilhas para cachoeiras e picos de Ilhabela